Sobre

Como você pode ler em todas as páginas, ali do lado direito, o autor desse blog escreve por prazer, e fala para o futuro, para seus eventuais futuros netos. Ele tenta, através das suas experiências, paixões, rabugices, broncas e amizades, oferecer uma visão do seu tempo.

Ele acha que por ser ariano, deva ser um guerreiro. E mais, suas armas são as palavras. Particularmente, eu acho que ele manuseia melhor as faladas do que as escritas.

Apesar de manter a alma aberta, gentil e receptiva dos cariocas, aprendeu com os paulistanos, dentre outras coisas, que uma fila por ordem de chegada, na maioria da vezes, é a representação mais simples de democracia e justiça.

Ele se acha cidadão do mundo, só porque é apaixonado por conhecer lugares através das pessoas que vivem neles. Lamenta ter nascido no que ele chama “dessa zona” do Brasil, mas no fundo, é um apaixonado por esse país, mesmo estando longe de ser um nacionalista.

Sofre com a pele “vagabunda” que não serve para ser usada nestas latitudes, assim como já sofreu muito na infância com esses pelos ruivos. Hoje se acostumou e até tira uma onda com “esse diferencial competitivo”, mesmo que o cavanhaque cisme em se transformar em branco.

Sempre trabalhou com tecnologias, mas é na música e na literatura que se diverte. Tem dois filhos e tem uma namorada desde os 16 anos.

Nasceu carioca, mas foi aceito paulistano agregado. Juntou o “Pô”, com o “meu” e recebe todos com a alegria de quem gosta de ter sempre a casa cheia. Aproveite!

5 Comentários

Deixe uma resposta para elen loureiro Cancelar resposta